quinta-feira, 3 de abril de 2008

Dia Internacional do Livro Infantil

Para lembrar este dia conhecemos a poesia com o título "Amigo de Palavras" de Teresa Martinho Marques, do seu livro de poesias "O sabor das Palavras".

Amigo de Palavras
Meu livro
meu companheiro
amigos assim,quantos há?
Não conheço mais nenhum...
Seja de noite ou de dia
à chuva,à sombra, ao sol
quando quero adormecer
quando quero despertar
ou se estiver triste e pesado
e me apetecer voar.
Refúgio na solidão
ou canção para partilhar
pode ser aqui e já
ou quando me apetecer
que a amizade é sem horas
sempre que te quero ler.
E tu sempre preparado
com estranha e doce magia
que tece as palavras em teia
os diamantes em jóia
todas as horas num dia.
Que me conforta
me alegra
me faz sonhar ou esquecer
viajar e aprender
ou só me faz companhia.
Meu livro
meu companheiro
meu amigo de palavra(s)
em qualquer hora do dia...
Depois conversámos sobre esta poesia e descobrimos quem é este amigo.
A Marta disse: é companheiro porque está sempre connosco ao sol e à chuva.
O David disse: é amigo porque nos conta histórias.
A Sofia disse: é amigo porque nos ajuda a adormecer.
Para o João Maria é amigo porque nos ensina muitas coisas.

3 comentários:

3za disse...

Ohhhhhhhh! Meus queridos, muito obrigada por partilharem aqui o meu poema! Ainda bem que acham que os livros são assim como os nossos melhores amigos! Fazem-nos muita companhia e muita falta! Beijinhos!

Os cabaninhas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
3za disse...

Recebi um convite da professora Fátima... e fiquei com vontade de vos conhecer. Tenho muito trabalhinho em mãos... mas temos de combinar... Até quando estarão pela escolinha? E onde fica ela? Beijinhos